sexta-feira, 21 de maio de 2010

A Brahma é a patrocinadora oficial da Copa do Mundo de 2010, porém, não será a única.

Por Daniela Riccelli

Em novembro de 2009 a Ambev anunciou ter fechado acordo de patrocínio para a marca Brahma com a FIFA, não demorou muito para os sites, revistas, blogs e twiteiros divulgarem com orgulho que a marca brasileira estaria “ocupando o lugar da Budweiser”, a cerveja mais vendida no mundo e cerveja oficial da Copa do Mundo desde 1986.

Mas a história não é bem assim. A Brahma é, sim, a cerveja oficial da Copa, porém, não será a única. A americana Budweiser continua patrocinando o evento e vai ser a marca do mundial para os EUA e outros países. Outras cervejas da Alemanha e China, também serão os patrocinadores da Copa de 2010, em seus respectivos países. O detalhe é que todas elas são marcas da Anheuser-Busch InBev. O contrato com a FIFA pertencia a Anheuser-Busch, que a Imbev (dona da Ambev), comprou há um ano, passando a se chamar AB Inbev. Depois da compra da empresa, o contrato que antes incluía só a marca Budweiser, foi renegociado para que o patrocínio se estendesse à outras marcas do grupo.

Durante as partidas nos 10 estádios africanos que sediarão os jogos, as placas de propaganda serão trocadas de acordo com as equipes que jogarem. Por exemplo, caso jogue Brasil e Estados Unidos, vão haver placas da Brahma e Budweiser juntas no campo.

A estratégia é boa, pois não adianta promover somente Bud em um evento esportivo mundial dessa grandeza, se ela não é vendida em boa parte dos países.

Mas porque a Ambev não divulgou a estratégia multimarcas ???

Segundo Marcelo Marcondes, Diretor de Marketing da Brahma, “Não faz sentido falar de outras marcas quando o foco é Brahma”.

A Ambev tem 70% de participação de mercado com suas marcas de cerveja. A Skol é a líder com, 32% de share, seguida pela Brahma, com 25% do mercado nacional. A Skol é uma cerveja mais ligada ao público jovem, já a Brahma, marca patrocinadora da seleção brasileira desde 1994, tem mais identificação com o futebol.

Para os brasileiros que forem à África do Sul assistir aos jogos, já aviso, o contrato com a Brahma será somente para placas de patrocínio nos estádios, a única cerveja (pra alegria de uns e tristeza de outros) que será vendida nas arquibancadas continuará sendo a Budweiser.

FONTE: http://danielariccelli.blogspot.com/

7 comentários:

Gremista Fanático disse...

Matéria muito interessante essa cara, ta ai um assunto que me identifico, cerveja e futebol tudo a ver, pena que muitos não conseguem unir os dois de forma legal, e eu tratando-se de cerveja sou mais a Skol mesmo, abraço.

Saudações do Gremista Fanático

Daniela Riccelli disse...

Legal Patrick !!

Vc já viu o novo vídeo da Nike ?? Vou postar hoje no meu blog, tá show !!!

Beijoss

Zeze Mendez disse...

Passando pra desejar aquele fim de semana bem legal, cheio de alegria, fica na paz, abraço.

Walace disse...

É legal isso aí, o Brasil ganhando espaço fora do futebol, fortalece o país!Muito bom o texto.

Ron Groo disse...

Bão... Entre uma Brhama e uma Bud... Prefiro as Stella Artois...
Mas como não vai ter.

Roseli disse...

Dani desejo a vc meus parabéns, seu Blog está ótimo, o meu noivo PATRIK, está adorando seguir seu BLOG.... Beiujuss

Anônimo disse...

A copa começou mas não vi a bhama

Blogger templates

Your email address:


Powered by FeedBlitz

Obrigado pela visita de todos vocês!

Locations of visitors to this page